terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Missão para a Consolidação da Paz da ONU inicia contactos com autoridades locais

Bissau - Uma delegação da Comissão para a Consolidação da Paz da ONU para a Guiné-Bissau iniciou hoje (segunda-feira) contactos com as autoridades locais para discutir as prioridades daquele processo para 2010.


Segundo uma nota enviada à imprensa, a delegação teve hoje um encontro com o representante do secretário-geral da ONU em Bissau, Joseph Mutaboba, e uma reunião conjunta com o ministro da Defesa e chefe das Forças Armadas guineenses.


A missão, que fica em Bissau até quinta-feira, reúne-se terça-feira com o primeiro-ministro, Carlos Gomes Júnior, estando prevista uma conferência de imprensa após aquele encontro.


A visita a Bissau tem como objectivo discutir com as autoridades nacionais e os principais actores envolvidos no processo de consolidação da paz no país as prioridades das actividades para 2010.


A Comissão para a Consolidação da Paz (CPP) é um órgão inter-governamental do conselho da Assembleia Geral e do Conselho de Segurança da ONU, criado em Dezembro de 2005, cujo objectivo é apoiar os esforços de consolidação da paz nos países em situação de pós-conflito.


A Guiné-Bissau entrou no CPP em Dezembro de 2007 e no âmbito do processo beneficiou em 2008 de um montante de seis milhões de dólares para projectos de reabilitação de casernas militares, emprego e formação profissional, reabilitação de prisões e apoio ao ciclo eleitoral.


Devido ao sismo no Haiti, a missão está a ser chefiada pela embaixadora brasileira Regina Dunlop em substituição de Luiza Viotti, responsável por aquele processo.

Sem comentários:

Publicar um comentário